segunda-feira, 11 de maio de 2009

Mark I

O Mark I foi construído em 1944 pelo professor Howard Aiken da Universidade de Harvard em Cambridge U.S.A., tinha cerca de 17 metros de comprimento por 2,5 metros de altura e uma massa de cerca de 5 toneladas. Quando em funcionamento, diz-se que reproduzia o ruido de uma grande sala cheia de de velhinhas todas a tricotar ao mesmo tempo. A memória e os totalizadores compreendiam 3.000 engrenagens com 10 "dentes", 1.400 comutadores rotativos e tudo era ligado por cerca de 800 Km de condutores eléctricos. O MARK I trabalhava números com 23 decimais e realizava as quatro operações aritméticas. Dispunha ainda de subrotinas integradas que calculavam funções logarítmicas e trigonométricas. Sua construção foi fruto de uma parceria entre a Marinha dos Estados Unidos e a IBM, porém, após a construção do Mark I, Aiken considerou que o envolvimento da IBM tinha sido nulo o que deu origem a uma polémica entre Aiken e a IBM. Como resultado desta polêmica o computador teve dois nomes de batismo: MARK I e IBM Automatic Sequence Controlled Calculator (ASCC). 

Até a próxima!

Nenhum comentário: